Em meio à crise, gregos criam moeda local e redes de trocas

Em Volos, a quase 400 quilômetros de Atenas, o euro foi cedendo pouco a pouco o lugar ao TEM, uma moeda alternativa que vem ganhando cada vez mais adeptos. O TEM retoma uma ideia que já estava em curso desde 2009 na cidade de Patras, no norte da península do Peloponeso. Trata-se de Ovolos, uma rede de trocas cujo nome retoma a denominação de uma antiga moeda grega que funcionava a partir de um intercâmbio de serviços. Os gregos citam a crise vivida pela Argentina em 2001 como exemplo para a produção de moedas locais e outras novidades.

Ler

Leer: Los griegos que dejaron de usar el euro

About Giorgio Bertini

Director at Learning Change Project - Research on society, culture, art, neuroscience, cognition, critical thinking, intelligence, creativity, autopoiesis, self-organization, rhizomes, complexity, systems, networks, leadership, sustainability, thinkers, futures ++
This entry was posted in Local economies, Local money and tagged , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s